Dorotéia

Maquete Dorotéia – Cidades Invisíveis de Ítalo Calvino

Da cidade de Dorotéia, pode-se falar de duas maneiras: dizer que quatro torres de alumínio erguem-se de suas muralhas flanqueando sete portas com pontes levadiças que transpõem o fosso cuja água verde alimenta quatro canais que atravessam a cidade e a dividem em nove bairros, cada qual com trezentas casas e setecentas chaminés; e, levando-se em conta que as moças núbeis de um bairro se casam com jovens dos outros bairros e que as suas famílias trocam as mercadorias exclusivas que possuem: bergamotas, ovas de esturjão, astrolábios, ametistas, fazer cálculos a partir desses dados até obter todas as informações a respeito da cidade no passado no presente no futuro; ou então dizer, como fez o cameleiro que me conduziu até ali: “Cheguei aqui na minha juventude, uma manhã; muita gente caminhava rapidamente pelas ruas em direção ao mercado, as mulheres tinham lindos dentes e olhavam nos olhos, três soldados tocavam clarim num palco, em todos os lugares ali em torno rodas giravam e desfraldavam-se escritas coloridas. Antes disso, não conhecia nada além do deserto e das trilhas das caravanas. Aquela manhã em Dorotéia senti que não havia bem que não pudesse esperar da vida. Nos anos seguintes meus olhos voltaram a contemplar as extensões do deserto e as trilhas das caravanas; mas agora sei que esta é apenas uma das muitas estradas que naquela manhã se abriam para mim em Dorotéia.

O objetivo deste trabalho era conseguir interpretar o texto de Ítalo Calvino – Cidades Invisíveis, e a partir desta interpretação construir a maquete, segue abaixo as imagens da maquete pronta.

Maquete Pronta - Dorotéia

Maquete Pronta – Dorotéia

Maquete

Maquete

Detalhe Ponte Levadiça

Detalhe Ponte Levadiça

Maquete

Maquete

Trabalho realizado no segundo semestre do Curso de Arquitetura e Urbanismo da Faculdade FIAMFAAM.

Professora:  Ana Gabriella Lima Guimarães

Grupo: Sueli Zampirollo, Tatiane Santos, Maria da Conceição, Karoline Nunes

Publicado em Meus Trabalhos | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Projeto Arquitetura – Casa Artigas

Projeto de Arquitetura

Casa Arquiteto João Vilanova Artigas, Rua : Taboão, 32

 Estudo dos processos de concepção e critérios de definição do partido arquitetônico. Análise das relações e condicionantes estabelecidas entre o programa e o partido, estudando:
A hierarquia e organização dos acessos;
A hierarquia e organização dos fluxos de circulação;
Os conjuntos funcionais e de usos;
A relação entre a volumetria proposta e a existente ao redor;
A expressão plástica da volumetria.
Representação de desenhos e maquete.
Artigas
João B. Vilanova Artigas nasceu em Curitiba, Paraná em 23 de junho de 1915, descendente de Italianos (Vilanova) e Uruguaios (Artigas).      Artigas ao lado de Frederico Kirchgässner e Lolô Cornelsen, ambos responsáveis pelas primeiras manifestações modernistas na arquitetura, Graduou-se engenheiro-arquiteto na Escola Politécnica da USP. Artigas atuou principalmente em São Paulo, mais deixou obras importantes na capital paranaense, como a antiga estação rodoviária de Londrina, hoje transformada em Museu de Arte.    Ao lado da sua vida de Arquiteto, Artigas dedicou-se ao magistério, iniciando na  Politécnica de São Paulo, mais tarde, no curso de Arquitetura da USP.   Artigas chegou a quase 700 projetos na sua carreira e o contato com profissionais de outros países, deram a Artigas reconhecimento internacional e seu nome, anos após seu falecimento, continua como um dos mais respeitados entre os arquitetos brasileiros. Dados obtidos do Livro Vilanova Artigas do Arquiteto João Masao Kamita.
Algumas produções do Arquiteto
(Obras Representativas)
Casa Rio Branco Paranhos, 1943

Casa Rio Branco Paranhos, 1943

Estadio do Morumbi

Estádio do Morumbi

Faculdade de Arquitetura da USP

Faculdade de Arquitetura da USP

Plantas , Cortes e Maquete

planta de pavimentos

Planta de Pavimentos

Implantação

Implantação

corte e fachada

Corte e Fachada

Corte e fachada

Corte e Fachada

planta setorização

Planta Setorização

Maquete

Maquete

Maquete

Maquete

Maquete

Maquete

Maquete

Maquete

Trabalho realizado no primeiro semestre do curso de Arquitetura e Urbanismo -  FMU
Professores: Silveli Maria de Toledo Russo e Ana Gabriella Lima Guimarães
Grupo: Sueli Zampirollo, Sheila Mota , Vivianne Tonini e Marisa de Jesus
Publicado em Meus Trabalhos | Marcado com , , , , , , , , | 5 Comentários

Projeto Intervenção Bresser

Intervenção Urbana no Bresser

Projeto de concepção e desenvolvimento de um edifício residencial localizado no bairro Bresser, SP. Por meio de estudos volumétricos e análise tipológica, a proposta busca implantar 44 unidades habitacionais em um lote plano, contrapondo o modelo do clássico do loteamento e do “condomínio fechado” . O objetivo é criar um conjunto (edifício) único e coerente, definidor de caráter público urbano.

Planta - Projeto Intervenção Bresser

Planta – Projeto Intervenção Bresser

Maquete - Projeto Intervencão - Bresser

Maquete – Projeto Intervencão – Bresser

Maquete - Projeto Intervencão - Bresser

Maquete – Projeto Intervencão – Bresser

Fachada Principal - Projeto Intervenção Bresser

Fachada Principal – Projeto Intervenção Bresser

Corte BB - Projeto Intervenção Bresser

Corte BB – Projeto Intervenção Bresser

Corte BB - Projeto Intervencão - Bresser

Corte BB – Projeto Intervencão – Bresser

O Projeto foi desenvolvido no 3.o Semestre,  na matéria Ateliê de Arquitetura : Desenho e Espaço – FIAAM FAAM

Professores: Leonardo Sette, Helena Degreas e Regina Dias

Grupo: Sueli Vilas Boas Zampirollo, Natalia Sciência e Tatiane Santos

Publicado em Minhas Inspirações | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário